sexta-feira, 14 de março de 2014

E quando o sonho de outro passa a ser seu também...

Cambodia. Angkor Wat.

Crédito da foto: UNESCO

Angkor, what?! Há muitos anos quando minha irmã me disse que queria ir a este lugar, eu praticamente desconhecia por completo. Quando vi a foto até me pareceu familiar, de algum documentário do Discovery Channel ou National Geographic... mas nada muito mais profundo que isto. Ah sim, o cenário do jogo/filme Tomb Raider. Enfim, este lugar nunca me despertou o interesse. Sempre foi o sonho da minha irmã conhecê-lo. E, ano passado eu disse a ela. Quer ir? E, decidimos fazer a viagem dos sonhos dela que passou a ser o meu também a partir do momento que comecei a planejar a viagem.

Conhecer o lugar com o qual sonhamos nos liberta, você passa a achar todos os lugares um lugar legal para se ir. Sem ter sempre um sentimento que ok, esse lugar é legal, mas o dia que eu for pra tal lugar, vai ser tudo diferente. Eu, por exemplo, sempre sonhei em ir para o Egito, e ficava imaginando como seria, e foi sensacional! Tudo do jeitinho que eu imaginava, tirando as pirâmides, não que elas não sejam do jeito que imaginei, mas isto é assunto para outro post. Faria de novo, se não fossem tantos outros lugares, culturas e pessoas para conhecer.

Li uma vez que a melhor viagem é sempre a última, pois você acabou de chegar e ainda está curtindo a viagem, mas eu acredito que a melhor é sempre a próxima. Por que? Porque você passa meses planejando até o grande dia, enquanto isso já vai viajando. E, porque a última já te transformou e o local passou a fazer parte de um pedacinho de você.

Enfim, o grande dia de realizar o sonho de viagem da minha irmã chegou! Embarque conosco e viva um pouquinho deste sonho.

Dream. And Live. Pa.T.

Crédito da foto: UNESCO